Partidos iniciam obstrução em razão do cancelamento da sessão do Congresso


O deputado Cláudio Cajado (BA) afirmou que o PP vai obstruir as votações da sessão da Câmara em razão do cancelamento das votações do Congresso. PRB, PSB, PSDB e outros partidos de centro também iniciaram obstrução da sessão. Eles querem votar o PLN 29/20, de crédito suplementar ao Orçamento da União.

O presidente do Congresso Nacional, Davi Alcolumbre, havia convocado uma sessão para votação de projetos de crédito em mesmo horário da sessão convocada por Rodrigo Maia. O início da sessão Câmara acabou cancelando as votações do Congresso, já que as duas sessões não podem ocorrer simultaneamente.

Maia afirmou que não vai abrir mão de votar os projetos da pauta da Câmara dos Deputados e que, ainda que haja obstrução às medidas provisórias, vai colocar os outros itens da pauta em votação.

“Não adianta insistir no processo de obstrução para encaixar o Congresso, para que a Câmara esteja à disposição do Congresso. Não estará”, disse. Maia afirmou que não foi procurado pelas lideranças antes que a sessão do Congresso fosse marcada.

Já o deputado Giovani Cherini (PL-RS) acusou o presidente de agir por “vingança” contra o governo, o que ele negou. “Suas críticas são bem-vindas, mas o senhor está no carro e eu estou na Câmara para votar”, disse.

Mais informações em instantes

Reportagem – Carol Siqueira
Edição – Cláudia Lemos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *