SOP inicia 2021 com 647 km de obras rodoviárias em andamento


Na área de edificações, grandes equipamentos nas áreas de Saúde e Segurança devem começar a ser construídos este ano

O Governo do Ceará, através da Superintendência de Obras Públicas (SOP), faz a virada entre os anos de 2020 e 2021 com 647 quilômetros de malha rodoviária estadual em obras. Os serviços de restauração, pavimentação e duplicação integram o Ceará de Ponta a Ponta, o Programa de Logística e Estradas, e contam com investimentos de cerca de R$ 657,3 milhões, entre verbas do Tesouro do Estado e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

O total corresponde a 61 km de duplicação, 393 km de pavimentação e 193 km de restauração. Além disso, mesmo em ano de pandemia, em 2020 foram 270 km concluídos, como a duplicação da CE-025, no Porto das Dunas.

No total, 33 trechos rodoviários passam por obras neste início de ano. Entre eles, as duplicações da CE-354, no Contorno de Itapipoca, e da CE-085, de Itarema a Acaraú; as pavimentações do acesso de Crateús a Realejo e da CE-263, de Jaguaruna à BR-304; as restaurações da CE-397, de Mauriti à Divisa CE/PB, passando por São Miguel, e da CE-257, entre Canindé e o distrito de Salitre.

Há ainda cinco trechos em licitação e outros que devem começar o processo licitatório em breve, como a duplicação da CE-293, entre Missão Velha e a BR-116, contornando Abaiara.

“Além das obras em execução, temos várias ações previstas para 2021, como a duplicação de Missão Velha à BR-116 e alguns contornos para continuar melhorando o fluxo de veículos dentro das sedes dos municípios. Além de programas que devem ser lançados ainda no começo do ano, que tem por objetivo recuperar de imediato algumas rodovias”, destaca o superintendente da SOP, Quintino Vieira.

De 2015 até dezembro de 2020, o Ceará de Ponta a Ponta entregou 2.550 km de malha rodoviária, com investimento de R$ 2,24 bilhões. Além disso, a SOP trabalha também o ano todo realizando serviços de manutenção nos mais de 11 mil quilômetros de malha estadual pavimentada e não pavimentada, como serviços de conservação, como roço, limpeza e tapa-buracos. Só em 2020 foram 393 km melhorados através de recuperação funcional.

Edificações

Na área de edificações, o ano de 2020 somou a entrega de seis Areninhas tipo I (quatro na Capital e duas no Interior) e mais 37 Areninhas tipo II no Interior, num total de R$ 18.450.458,90 em investimentos.

A SOP também supervisionou a implantação e entrega de equipamentos do Programa Mais Infância Ceará, conduzido pela Secretaria de Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS), através do Programa de Apoio às Reformas Sociais (Proares III). É o caso das 5 Praças Mais Infâncias entregues em Caucaia, Cascavel, Quixadá, Icó e Juazeiro do Norte, somando R$ 5.014.169,79 investidos e das 30 Brinquedopraças integradas com academia ao ar livre, ao valor total de R$ 4.325.164,43.

Ainda dentro do Programa Mais Infância, foram entregues seis Centros de Educação Infantil (CEIs) – sendo um na Capital e cinco no Interior – sob responsabilidade da Secretaria da Educação (Seduc). Os investimentos para esses espaços foram de R$ 8.634.370,59.

Entre os grandes equipamentos em obras, o novo estádio Romeirão, em Juazeiro do Norte, começa 2021 com cerca de 55% de conclusão. Já a Estação das Artes, em Fortaleza, está em 38%. E outros grandes empreendimentos estaduais devem começar a serem erguidos.

“Em se tratando de edificações, merece destaque o Hospital Universitário, em fase de contratação, o Centro de Segurança Pública, que tem uma parte prestes a começar, sem falar nas novas areninhas e inúmeras outras obras previstas para este ano”, ressalta Quintino Vieira.

Fonte: Governo CE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *