Fechamento da Ford do Brasil repercute no Senado


O encerramento das atividades da Ford no Brasil provocou manifestações de inúmeros parlamentares. O senador Otto Alencar (PSD-BA) lembrou que a empresa recebeu todos os incentivos para sua instalação em Camaçari (BA) e pratica o capitalismo selvagem. A senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) disse que o governo federal precisa de políticas industriais mais eficientes e estratégias para reduzir o Custo Brasil. Já o senador Plínio Valério (PSDB-AM) argumentou que a permanência da Ford na Argentina é um indício de que não haveria evasão de capital no Brasil caso seu projeto de taxar grandes fortunas venha a ser aprovado, a exemplo do país vizinho.

A reportagem é de Marcella Cunha, da Rádio Senado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *