Aumento do barril de petróleo: Azul reduz para dois os voos semanais entre Noronha e São Paulo

Companhia explica que a alta cotação do barril de petróleo pressiona o valor da querosene de aviação, combustível usado pelas aeronaves


A Azul Linhas Aéreas anunciou que irá reduzir os voos entre São Paulo e Fernando de Noronha , em Pernambuco, para duas frequências semanais nos dois sentidos a partir do mês de abril. Inaugurada em dezembro do ano passado, a rota tem, até o novo cronograma passar a valer, sete voos.

A companhia aérea não informou os dias da semana em que serão feitos os voos entre os aeroportos de Congonhas e da ilha.

A redução da operação da rota entre São Paulo e Noronha vem na esteira do aumento exponencial do valor de vários commodities, alega a Azul, em especial o do barril de petróleo – o tipo Brent era cotado a US$ 100 por volta das 9h desta terça-feira (15).

“A ação faz parte de uma readequação de malha feita pela companhia”, explicou a Azul em nota enviada à reportagem.

A Azul explica que a alta cotação do barril de petróleo pressiona o valor da querosene de aviação, combustível usado pelas aeronaves.

“Embora o valor do barril do petróleo já tenha sido um pouco maior há 14 anos, a situação atual é muito pior, pois naquela época o valor do dólar estava muito abaixo dos atuais R$ 5,00 e era cotado abaixo de R$ 2,00. Essa matemática é bastante impactante para o setor aéreo, em especial para as empresas brasileiras, que têm diversos custos em dólar e um dos combustíveis mais caros do mundo”, acrescentou a companhia aérea.

Fonte: folhape.com.br
Foto: Clarissa Paiva / ADM. Fernando de Noronha

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *